CIAB 2013

ciab2013
O Ciab FEBRABAN 2013 que aconteceu nos dias 12, 13 e 14 de junho no Transamérica Expo Center, em São Paulo, é um dos maiores eventos da América Latina dirigido ao setor financeiro e à área de Tecnologia, onde reuniu 140 empresas, em uma área de 4,2 mil metros quadrados. O evento é formado por um Congresso e uma Exposição dedicados às Tecnologias da Informação aplicadas à área financeira.

A Red Hat Brasil esteve presente juntamente de seu parceiro de negócio HP, onde apresentou soluções alinhadas com as grandes tendências do mercado corporativo em 2013, especialmente em soluções de Cloud Computing, Big Data, Segurança, Regras de Negócio e BPM.
A Red Hat focou seus esforços no seu produto PaaS (Platform-as-a-Service) privado de nuvem, o OpenShift  Enterprise, que foi demonstrado pelos Arquitetos de Solução da empresa durante os três dias de evento.

redhat_ciab2013

O OpenShift Enterprise é construído em torno de uma arquitetura de gears e cartridges que roda sobre o RHEL (Red Hat Enterprise Linux) como uma PaaS. Podemos chamar cada recurso de contenção de containers de Gear, que são disponibilizados nos em dois formatos: pequenos e médios. Os cartuchos ou cartridges são as pilhas de software na qual roda os gears. Para manipulação dos códigos das aplicações é utilizado um repositório Git que roda internamente. De forma muito simples, pode-se criar uma aplicação OpenShift, e então clonar o built in-repository, desenvolver o código e a configuração, testar localmente e, então, submeter as alterações para a aplicação na nuvem, onde será executada. Os cartridges estão disponibilizados para Java(EE6), Ruby, Node.js, PHP, Python, e Perl. Além dos cartuchos citados, existem cartridges para bancos de dados para MySQL, MongoDB, PostgreSQL e cartridges para para Jenkins e SwitchYard. A criação de cartuchos customizados também é possível.

A HP trouxe diversas soluções baseadas em tecnologia Intel, em especial nas áreas de cloud computing, Big Data, Segurança e mobilidade como os Ultrabooks e também o lançamento do tablets corporativos design ultrafino, criados para o mercado empresarial, que rodam processador Intel Atom, que consome menos bateria, oferecendo mobilidade plena e todas as funcionalidades necessárias para tarefas do dia a dia.
Além dos produtos de mobilidade, a HP está apostando fortemente nos servidores de baixo consumo, como é o caso do HP Moonshot, onde cada um dos módulos (cartuchos ou computadores) dispõe de seu próprio processador (Atom modelo S2160 2.0 Ghz e 1 MB cache, dual core com Hyper Threading – 4 threads), disco e memória (até 8 GB DDR3). Inicialmente a oferta da HP são módulos com discos rígidos de 500 GB, 1 TB ou 2 TB cada. Segundo a companhia o produto gasta 89% menos energia do que os sistemas tradicionais, ocupa 80% menos espaço do que os seus concorrentes e custa 77% menos. Dessa forma, em um espaço que tradicionalmente caberiam 128 servidores, o Moonshot promete enclausurar quase 2000 sistemas. Atualmente o sistema Moonshot será entregue com sistema operacional Linux das distribuições Ubuntu, RedHat e SUSE.



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s